Após pagamento de fiança hacker preso em Cachoeiro deixa prisão

Por

Parte dos valores apreendido no apartamento onde o hacker foi preso, no último dia 3, em Cachoeiro

Acusado de invadir celulares de terceiros para dar golpes e roubar dinheiro depositado em contas bancárias, o hacker preso pela Polícia Federal no início deste mês de fevereiro, dia 3, em Cachoeiro, foi colocado em liberdade neste fim de semana após pagar uma fiança de R$ 110 mil.

O homem, de 32 anos é considerado um dos hackers um dos mais atuantes do Brasil. Hábil nos meios eletrônicos, segundo a PF ele, que também é programador de softs, criou programas que disparava links para clientes de instituições bancárias que copiava e roubava dados pessoais, garantindo ao criminoso acesso às contas e subtraia os valores. 

Há estimativa que em cinco anos ele tenha conseguido um rombo próximo de R$ 7.5 milhões das contas de clientes, a maioria do Banco do Brasil e da Caixa Econômica.

A trama consistia em, após invadir a conta da vítima o dinheiro era transferido para contas de laranjas, para em seguida ser enviado para lavagem em paraísos fiscais no exterior, distribuído em aplicações em casas de câmbio, corretoras e criptomoedas. 

Depois desta 'lavagem', o dinheiro retornava para o Brasil e ia para as mais diversas áreas, legais ou não.

Veja o vídeo da prisão do hacker, em 3 de fevereiro

 

Confira mais Notícias

Polícia

Marataízes

Bebê dá entrada na UPA de Marataízes com braços quebrados e morre

Polícia

MIMOSO DO SUL

Homem é assassinado com golpes de faca em Mimoso do Sul

Polícia

Cachoeiro de Itapemirim

Carro clonado é apreendido pela Guarda Civil de Cachoeiro

Polícia

CAMPOS DOS GOYTACAZES

Preso em Campos dos Goytacazes um dos acusados de homicídio em Bom Jesus do Norte

Polícia

ÁRACRUZ

‘Vaquinha’ para matar Lula é investigada pela PF no Espírito Santo

Polícia

Marataízes

Discussão, tiros e uma morte é registrada no Posto Ipiranga em Marataízes

Polícia

Itapemirim

PRF recupera carro roubado no Rio de Janeiro em Posto da Safra

Polícia

CARIACICA

Polícia prende suspeito de estuprar colega de trabalho em Cariacica