Áudio-bomba confirma crime de traição nacional cometido por Deltan Dallagnol

Por

Um novo áudio-bomba, entregue nesta terça-feira pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ao Supremo Tribunal Federal, confirma o que muitos já sabiam. O procurador Deltan Dallagnol, da força-tarefa de Curitiba cometeu o crime de traição nacional e negociou com autoridades do Departamento de Justiça dos Unidos, o DoJ, a destinação de recursos da Petrobrás, que formariam um fundo que, no Brasil, beneficiaria integrantes da própria Lava Jato.

A cooperação informal com autoridades estadunidenses se deu à margem das leis brasileiras e confirma que Dallagnol usou seu poder de investigação para favorecer um outro país, no caso, os Estados Unidos. As mensagens obtidas por Walter Delgatti também deixam claro que Dallagnol zombou da quebra de empresas brasileiras. Estudos apontam que a Lava Jato destruiu 4,4 milhões de empregos no Brasil e derrubou o PIB nacional, mas Dallagnol negociou com os Estados Unidos como poderia receber recursos da Petrobrás. Confira o áudio:

 

Confira mais Notícias

Atos Antidemocráticos

Vitória/ES

Advogados pedem ao STF transferência de Capitão Assunção para presídio do Corpo de Bombeiros

Política

Vitória/ES

Coser acusa prefeito de Vitória de má-fé na divulgação de informações e plágio

Política

Anchieta

Decisão Judicial suspende votação de contas de Marquinho Assad na Câmara de Anchieta

Política

Itapemirim

PSOL de Itapemirim contesta nota publicada por ex-prefeito nas redes sociais - "Não há nenhuma possibilidade

Política

Vitória/ES

Ales retoma trabalhos legislativos na segunda (5)

Política

Itapemirim

Republicanos de Itapemirim realiza encontro para posse de novo diretório nesta sexta (26)

Política

Anchieta

Vereador Edinho abre discussão para implantação de um Polo Industrial de Anchieta

Política

Estado

Tyago Hoffmann apresenta projeto que dispensa atestado para candidato PcD em concursos